My default image

Se você já vive o mundo das criptomoedas há algum tempo, certamente já faz parte de uma comunidade cripto, acertei?

Bem se esse não for o seu caso, vale a pena a leitura desse artigo para ficar por dentro de tudo sobre o assunto. 

Hoje, com a Culte, você vai entender o que é uma comunidade cripto, sua importância de moedas digitais e porque você deve fazer parte delas. 

My default image

O que é uma comunidade cripto?

Se você se lembra do finado Orkut, o conceito de comunidade cripto provavelmente estará mais claro para você, afinal, uma comunidade é um grupo de pessoas com interesses em comum. 

No caso das comunidades criptos o interesse são os ativos digitais. Fácil né? Basicamente, essas comunidades se formam em redes sociais. 

Assim, por aqui, nutrimos nossas comunidades através do Telegram. A rede se tornou um dos nossos principais canais de comunicação com apoiadores. 

Onde informamos sobre o cronograma de lançamento da Cultecoin, os Airdrops, e tiramos dúvidas de nossos parceiros. 

Por isso, se você ainda não faz parte dessa enorme família, clique aqui e garanta sua participação na nossa comunidade cripto. 

De fato, nossa comunidade cripto não foi construída do dia pra noite. Afinal, nossa equipe de especialistas trabalhou e trabalha continuamente para ‘alimentar’ todo o ecossistema, como por exemplo como este texto que você está lendo.

My default image

Qual a importância de uma comunidade cripto?

Como dito anteriormente, a nossa comunidade é o principal canal de comunicação com o nosso comprador.

Ou seja, é onde o apoiador se mantém atualizado sobre o desenvolvimento do projeto e novidades.

Dessa forma, prezamos pela confiança e senso de inclusão, ou seja, todos ali em direto as mesmas informações, sorteios e bônus.

Se você faz parte da comunidade cripto da Cultecoin já deve ter notado a presença de diversas pessoas, entre elas, iniciantes e experimente no universo de criptomoedas.

Nesse sentido, o pessoal compartilha experiências, ideias e conhecimentos. Nossa equipe está sempre presente respondendo dúvidas, colhendo feedbacks e ‘trocando figurinhas’ com cada um dos usuários. 

Outra vantagem muito bacana na nossa comunidade é que você tem a oportunidade de criar conexão com as outras pessoas no Facebook, Whatsapp, Instagram, criando uma boa relação de amizade. 

Por último, mas não menos importante, a comunidade de cripto da Cultecoin serve também como um canal para suporte, por isso, se surgir algum problema, não deixe de nos informar. 

Quero criar a minha comunidade, por onde começar?

Antes de mais nada, ressalto que uma comunidade de cripto não se firma do dia para a noite. 

Mas se você seguir esse passo a passo, tenho certeza de que sua comunidade será um sucesso. 

Primeiramente, considere criar conteúdo de valor para sua base de apoiadores, o blog da Culte está recheado de tutoriais, dicas sobre o universo cripto, de maneira geral. 

E é exatamente isso que seus compradores precisam: informação. Informação concreta, real e sem enganação. 

Por isso, coloque a mão na massa e compartilhe de tudo um pouco, ok?

A oferta de token não deve ser prioridade na comunidade, ela é sim importante, porém informações relevantes como atualizações e desenvolvimento da moeda são tão importantes quantos. 

Sabe aquela venda agressiva e cansativa que muitos telemarketings ainda usam? Pois bem, fuja dela! 

Lembra que eu disse que na comunidade de cripto da Cultecoin os participantes conversam entre si, a fim de trocar experiências e ideias?

De fato, isso é importante, mas a gestão da comunidade também. Por isso, nada de ignorar a conversa que rola por lá!

Os compradores precisam se manter engajados, no entanto, isso não irá acontecer se as pessoas responsáveis pela gestão não conversarem. Compartilhe notícias corporativas, provas sociais, etc.

Nada de deixar perguntas perdidas no limbo do grupo, hein?! Afinal, isso pode abalar a relação de confiança entre você e a pessoa compradora. 

Outro ponto importante a mencionar é que estamos na internet, que é conhecida como terra de ninguém, infelizmente. 

Dessa forma, comentários maldosos, insultos, declarações preconceituosas podem acontecer, logo, a gestão comunitária será responsável por resolver a situação, seja neutralizando comentários ou até mesmo silenciando, excluindo o agressor. 

My default image

Por que você deve participar de comunidades cripto 

Resumidamente, uma comunidade bem conduzida é uma comunidade fiel! Assim, fazer parte de uma comunidade cripto pode despertar insights que você nunca teria se estivesse fora dela. 

Afinal, explorar uma comunidade cripto pode lhe dar uma boa ideia sobre como as coisas realmente funcionam, gerar inspiração e ótimas oportunidades de negócio. 

Conheça a Cultecoin

Basicamente, a Cultecoin é um utility token BEP20, que permite a utilização do token em todo ecossistema Culte, que inclui: 

  • Conta digital
  • Emissão de boleto
  • Marketplace
  • Financiamentos agrícolas

Tudo voltado ao pequeno agricultor familiar com DAP ativa. 

São mais de 2 mil agricultores cadastrados.

Clique aqui e tenha acesso a mais informações e detalhes sobre nosso projeto! 

Compartilhe este artigo com seus amigos e venha com a gente revolucionar o agro com a gente!

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

My default image