Startup cria criptomoeda para impulsionar produção dos pequenos agricultores

My default image

Nossos fundadores deram uma entrevista recentemente no Site Panorama do Negócio voltado ao Agro, com o objetivo de falar um pouco de nossa criptomoeda a Cultecoin. Voltada a atender pequenos agricultores, veja a matéria a seguir:

A Culte, startup brasileira de apoio ao agronegócio familiar, lançou nesta segunda-feira (13/09) a cultecoin.

De fato, a criptomoeda permite a compra da produção de pequenos agricultores a preços mais acessíveis.

Leia também: Investimento do governo: Tudo o que você precisa saber

A princípio, a empresa disponibilizou 21 milhões de tokens, o que corresponde a 10% do total, ao custo de US$ 0,05 cada. Em suma, o desenvolvimento da criptomoeda foi na BEP-20, token padrão da rede Binance Smart Chain.

Portanto, o objetivo da nova criptomoeda é que ela seja utilizada para operações dentro do marketplace da Culte.

Além disso, oferece uma loja online para os produtores, conta digital, emissão de boleto, pagamento em cartão de crédito por link, e empréstimos.

Para pequenos agricultores

“Nosso intuito é que estes últimos sejam substituídos pelo sistema barter, que é a troca de produtos entre agricultores e fornecedores de insumos muito usada na agricultura, entre os grandes produtores. Agora, estamos levando esta possibilidade também aos pequenos, sem cobrar juros”, afirma Cláudio Rugeri, CEO e cofundador da Culte.

Assim como, segundo ele, a ideia é não cobrar juros e em troca receber a produção do agricultor, que será colocada a venda dentro do marketplace.

“Apenas os detentores dos tokens utility cultecoin terão acesso a áreas exclusivas do marketplace da Culte. Lá, agricultores, agroindústrias e fornecedores de insumos disponibilizarão seus produtos para comercialização em condições diferenciadas”, reforça.

Dessa forma, a tokenização possibilitará que milhares de agricultores familiares tenham acesso direto a consultores técnicos e fornecedores de insumos, implementos, equipamentos e novas tecnologias agrícolas capazes de melhorar a produtividade e o padrão na produção.

“Com o valor dos tokens, vamos comprar suprimentos para um grupo de agricultores. Assim, esperamos conseguir preços melhores, enquanto os agricultores também podem vender diretamente seus produtos e comprar o que precisarem sem intermediários”, aponta Rugeri

Para o comprador, que pode ser uma pessoa física ou jurídica, ao utilizar a cultecoin ele terá mais agilidade em encontrar sortimento de produtos com fácil verificação da procedência, além de ter a opção de compra com entrega futura programada. Sem falar no impacto social.

Leia também: Culte inicia a concessão de empréstimo com Bitcoin como garantia

O objetivo da Culte é promover crescimento econômico inclusivo do pequeno produtor, sustentável e livre de intermediários.

Além de dar visibilidade ao pequeno agricultor familiar, levando a ele acesso a novas tecnologias e treinamentos ao campo.

Veja a matéria completa acesso o site aqui!!

Por fim, estamos aqui para apoiar os agricultores brasileiros, e desenvolver um ecossistema forte para alavancar as vendas e produção dos mesmo.

Leia também: Comunidade Cripto: Entenda sua importância

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.