Metaverso e a popularização das criptos no Agronegócio

My default image

O Metaverso é um dos assunto mais debatido no setor de tecnologia, e não é para menos. De fato, ele vai transformar a forma como as pessoas pensam suas estratégias e fazem negócios.

De fato, essa tecnologia está reunindo inúmeras possibilidades ao somar o mundo virtual ao físico.

É tanta inovação que fica ate impossível prever com exatidão como serão as atividades comerciais ao longo prazo. E quando digo longo prazo, refiro-me ao futuro de apenas quatro a cinco anos.

Já existem inúmeras iniciativas no Metaverso voltadas para beneficiar o setor do Agronegócios, como por exemplo o programa Farming Simulator 22. Ele replica o dia a dia no campo para gamers através de desafios, como cuidar da lavoura e da criação, incluindo percalços relacionados ao clima e a outros aspectos do planejamento, levando em conta o calendário da safra desde o plantio até a colheita, por exemplo.

Ou seja, através do jogo, a pessoa vive um mundo paralelo da agropecuária, com diversas opções de maquinários e ferramentas disponíveis no mundo físico, o que permite parcerias que unem o virtual e o físico, também conhecido como meio Phygical.

De fato, esse tipo de programa deve se popularizar a medida que o setor perceber quanto pode ser estratégico e lucrativo melhorar a experiência do consumidor e das empresas ao oferecer seus produtos e serviços em um ambiente completamente novo e digital.

Portanto, comprar, vender, alugar, arrendar, realizar testes, simulações… Tudo tem vida própria dentro do Metaverso e, ao perceber isso, o Agronegócio como um todo deve se voltar para esta inovação.

Entre as vantagens que deve vir a tona com essa nova mentalidade Phygital, gostaria de ressaltar a popularização das operações envolvendo NFTs e criptomoedas no Agro.

My default image

Existem hoje muitas empresas que conhecem o valor desse tipo de investimento e sabem como eles podem ser interessantes por dispensarem intermediários. Existe de fato, uma grande oportunidade, e o Metaverso vai ampliar o conhecimento em torno do mercado de NFTs e criptos, já que todas as transações dentro do universo virtual precisam ser feitas dessa forma.

Metaverso e NFT’s

Dessa forma, para entender a relação entre criptomoedas, Metaverso e NFT, precisamos pensar que as criptos são usadas para negociar os NFTs.

O Metaverso possui seus próprios NFTs, que podem representar qualquer coisa nesse universo virtual. Como por exemplo, costumo citar o jogo Axie Infinity, baseado na tecnologia NFT. Cada um dos “monstrinhos” virtuais presentes no Axie possui um registro digital único no blockchain, o banco de dados das criptomoedas. Assim, todas as negociações dentro do jogo são realizadas por meio de cripto.

De fato, isso significa que a imersão propiciada pelo Metaverso vai fazer com que essas negociações se tornem cada vez mais familiares dento do Agro, levando o setor a aderir as transações digitais com muito mais propriedade e segurança.

Nos próximos ano, veremos um grande numero de iniciativas planejadas para gerar uma conexão real do virtual com o cotidianos dos negócios.

My default image

Tendências

A expectativa é que elas fomentem a abertura do mercado a conexão entre os diferentes atores do Agro e também mais qualificação profissional. São pontos relevantes que devem estimular a adesão ao Metaverso.

A Popularização dos NFTs e das criptomoedas por meio do Metaverso vai possibilitar que milhares de agricultores (principalmente familiares) tenham acesso direto a consultores técnicos e fornecedores do insumos, implementos, equipamentos e novas tecnologias agrícolas capazes de melhorar a produtividade e os padrões de produção.

Assim, espera-se conseguir preços melhores, já que os agricultores também poderão vender diretamente seus produtos e comprar o que precisam sem intermediários.

Leia também: Blockchain nas criptomoedas: Descubra como funciona!

De fato, a tendência também é que empréstimos tradicionais sejam substituídos pelo sistema Barter, comum entre os grandes produtores. Com o Metaverso , esta possibilidade se torna cada vez mais real para os pequenos, inclusive sem cobrança de juros.

O Agro só tem a ganhar. E nós, que trabalhamos com tecnologia, estamos correndo contra o tempo para acompanhar as demandas e oferecer inovações aos agricultores neste mundo de possibilidades.

Deixar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.